Conheça mais o

INSTITUTO OTOVIDA

PESQUISA E DESENVOLVIMENTO

O Instituto Otovida, junto a parceiros, realiza pesquisa e desenvolvimento buscando promover o bem social, através da entrega de novas tecnologias, produtos e serviços para o benefício de pessoas com deficiência auditiva, e por consequência, a pessoas de seu convívio.


Executores


Financiamento

O Projeto

Desenvolvimento de transdutor implantável e algoritmos avançados para implantes cocleares adaptados à realidade brasileira.

Justificativas​

A perda auditiva é um sério problema de saúde pública e o uso de aparelhos auditivos e implantes 100% importados e de alto custo, representa uma parcela significativa dos gastos do Sistema Único de Saúde (SUS).

Implantes cocleares são dispositivos parcialmente implantáveis utilizados para restaurar parcialmente a audição. São compostos de um elemento externo, que capta, processa e envia o sinal acústico para o elemento interno (implantável), que é responsável por excitar as terminações nervosas na cóclea. Apesar da grande melhoria da qualidade de vida proporcionada pelo implante coclear, diversos fatores limitam seu desempenho, especialmente em usuários brasileiros.

O elemento externo é um desses fatores. Ele tem alto índice de manutenção e sofre preconceitos na sua utilização, especialmente em crianças e adolescentes. Outros dificultadores são a impossibilidade de uso na água ou em atividades esportivas e também a perda ou roubo. São barreiras importantes à reabilitação auditiva de milhares de brasileiros, pois seus custos são proibitivos e agravados por fatores climáticos, culturais e de segurança..

Outro fator limitante dos implantes cocleares atuais está nos algoritmos de processamento de sinais utilizados. A não consideração da informação fase do sinal, fundamental para permitir um melhor entendimento da fala e música, parte importante na cultura brasileira, tem peso bastante relevante.

O projeto busca o desenvolvimento dos principais elementos que permitirão a criação de um implante coclear totalmente nacional e melhor adaptado à realidade brasileira. Os recursos aplicados no projeto poderão ser totalmente revertidos à sociedade através da significativa redução dos custos do implante, com a diminuição da importação desses equipamentos e do déficit comercial da área da saúde e da geração de receitas através de royalties a partir de patentes criadas. O conhecimento gerado pelo projeto permitirá definir políticas de saúde adequadas à necessidade nacional, permitindo ao país exercer um papel ativo numa área que ganha importância a cada dia e proporcionando liberdade de ação pela quebra do monopólio de agentes externos.

Metas

1 – Revisão da literatura
2 – Mapeamento e implementação dos algoritmos atuais de implantes cocleares.
3 – Desenvolvimento de novos algoritmos para implante coclear usando a informação da fase.
4 – Modelos numéricos de orelha média e externa.
5 – Modelos numéricos de transdutor implantável.
6 – Modelos numéricos acoplados, transdutor/orelha média.
7 – Bancadas experimentais para avaliação de transdutores implantáveis.
8 – Desenvolvimento de técnicas de fixação.
9 – Construção e teste de protótipos de transdutor implantável.
10 – Gerenciamento do projeto.
10 – Gerenciamento do projeto.

Prazo de Execução

24 meses


Instituto Otovida

Uma equipe completa de fonoaudiólogos, psicólogos otorrinolaringologistas e assistentes sociais para oferecer o melhor a você.

Espaço, conforto e conveniência para você. São mais de 1300m² de área.

Desenvolvimento e reabilitação para os melhores resultados.

Responsável Técnica: Fabiana Scarton – CRM-SC 13311

Acompanhe a gente pelo Facebook

Cadastre-se e Receba dicas incríveis sobre saúde


Contatos e Localização

Avenida Gov. Ivo Silveira, 3861 – Capoeiras – Florianópolis/SC

Ao lado do antigo Hotel Itaguaçu

Contato: (48) 3223-6060

WhatsApp: (48) 99172-0606   (48) 99178-2207

Todos os Direitos Reservados • Desenvolvido por